Wikipedia brasileira desestimula a participação esporádica e tem mentalidade colonialista

Esses dias procurei na Wikipedia sobre a WebCo e o Manoel Lemos e vi que os verbetes não existem. Considero a WebCo a empresa mais importante da Web brasileira hoje, ou uma das mais importantes, pela complexidade da operação, pela aposta na internet participativa, feita colaborativamente, e pela visão de oferecer produtos online com a cara do usuário brasileiro. É deles o Blogblogs, versão nacional do Technorati, e o Brasigo, produto correspondente ao Yahoo Respostas.

Segue uma reflexão sobre o motivo da Wikipedia brasileira ter verbetes sobre os concorrentes internacionais da WebCo, mas não sobre a WebCo e outras empresas daqui.

O bacana do Manoel é a paixão que ele tem pela internet. É um executivo que não perde a oportunidade de estar em eventos com a comunidade de pessoas envolvidas no assunto, de falar e escutar. Um dia ele está num NewsCamp trocando idéias e no dia seguinte ele publica um post da Índia ou da Holanda ou de outro lugar onde ele está a negócios ou para participar de congressos

O Manoel não é a única pessoa que vive a internet de dentro, mas ele faz parte do pequeno grupo daqueles que estão construindo essa ponte entre o mundo empresarial e quem está na linha de frente da internet hoje. Enfim, isso mais do que justifica a existência de um verbete sobre ele, suas empresas e seus produtos na Wikipedia.

Como não encontrei os verbetes, escrevi para o Manoel perguntando o motivo e ele respondeu que a Wikipedia proibe que a própria pessoa escreva sobre si. - OK, eu pensei, faz sentido, algum sentido, mas, vá lá. E me dispus a resolver essa questão de uma maneira fácil e rápida.

No ano passado eu pus no ar um wiki para funcionar como diretório das mídias sociais no Brasil, um lugar para a gente - ativistas, profissionais e pesquisadores - conhecermos os trabalhos, os grupos de estudo, as atividades, as publicações, etc, uns dos outros.

Para resolver a questão da falta de verbete sobre a WebCo na Wikipedia, fui ao diretório e copiei esse texto e também o sobre o Manoel, sobre a Brasigo e sobre o Blogblogs, para criar os verbetes. E me dei ao trabalho (demorou uns 10 minutos todo o processo) de limpar o texto, tirando partes mais com cara de release de imprensa para deixar o verbete neutro.

Resultado: os verbetes nao duraram meio dia. Ontem mesmo já tinha recebido notificações de um usuário administrador da Wikipedia que apagou os verbetes por eles serem "comerciais".

O curioso dessa história é que se fosse por motivos comerciais, eu nao teria publicado o verbete, porque eu não trabalho com o Manoel, não temos vínculos profissionais ou comerciais. Mas sou uma pessoa da indústria que acompanha e admira o trabalho de evangelizador que ele faz.

Entendo que seja necessário ter um grau de controle para o caos não tomar conta, mas, tirando por essa experiência e por outras observações e conversas, sinto que a Wikipedia brasileira está fadada a ser uma cópia mal terminada da Wikipédia americana, ocupada e controlada só por quem tem muito tempo disponível para participar. E adeus caos criativo.

Nesse caso dos verbetes que eu publiquei, por que ao invés de serem apagados, eles não dão a oportunidade para outras pessoas acessarem e editarem a informação. Por que o administrador não apagou a porção que considerou "comercial"? Quem quiser, por favor, acesse os verbetes no diretório para tirar sua própria conclusão sobre essa classificação e se não existe lá uma boa parte de conteúdo (vá lá) "neutro".

Você deve ter percebido que estou escrevendo isso aborrecido, mesmo. E entendo que eu poderia fazer ponderações, e posso faze-las depois. Agora é um desabafo.

Cadê a confiança na inteligência coletiva? Não tem a WebCo, mas tem Yahoo, Google, Microsoft, não tem Brasilgo nem Blogblogs, mas tem YouTube, Facebook, Orkut. Que neutralidade é essa? Se o que está escrito em inglês passa a ser verdade, vou criar esses verbetes na Wikipedia americana. Aposto que lá ele sobrevive. E mais, vai acabar sendo copiado para outras linguas.

Me pergunto: e se eu quiser escrever um verbete sobre o meu pai ou o meu avô? Qual é o critério para definir se eles são "conhecidos"? Tem que ser conhecido em São Paulo e Rio? E se eles forem conhecidos na cidade em que nasceram? Essa referência de relevância não vale?

E mais: se eu publicar um verbete sobre o meu pai e disser que ele foi padrinho de casamento do Napoleão. E daí que essa é uma informação "imprecisa"? Esse verbete não interessa a ninguém, não terá impacto na vida de ninguém. E quando ela passar a ter relevância, quando pessoas procurarem pelo nome dele, elas poderão editar o verbete.

A academia tem o maior preconceito com a informação da Wikipedia e parece que esse preconceito se introjetou em - pelo menos - uma parte das pessoas que controlam o que é e o que não é "conhecimento relevante" na Wikipedia. Fico com a impressão de que essas pessoas estão querendo a todo custo que a Wikipedia seja aceita, seja considerado legítima, mas, em nome dessa legitimidade, ela está perdendo uma parte da utilidade e abrindo mão de muita participação.

Do jeito que está, a pequena contribuição, que é, segundo o Clay Shirky, aquilo que faz a Wikipedia se mover e crescer, desaparece. Mal comparando, é como tirar bacterias do ecossistema só porque a gente não consegue enxergá-las e perceber sua utilidade.

A realidade é que um usuário como eu, que não pode ser descrito como iniciante, não tem paciencia para fazer contribuições esporádicas para a Wikipedia porque dá trabalho demais participar e porque as regras de avaliação de conteúdo aparentam neutralidade para esconder posturas subjetivas.

No final das contas, isso depõe a favor do esforço do Manoel, que defende que organizações brasileiras estão melhor preparadas para atender as necessidades e demandas do público aqui. Não sei até que ponto a wikipedia em portugues presta contas aos responsáveis pela WikiMedia foundation e como isso acontece.

Talvez o Manoel ou algum outro tivesse que por no ar uma Wikipedia menos controlada, que "canibalizasse" no melhor sentido o conhecimento da outra, mas permitindo que o menor esforço seja melhor aproveitado. Será?