Entrevista Tiago Dória - parte 4

Blocos temáticos: apresentação, parte 1, parte 2, parte 3 e parte 4.

A que voce atribui do seu blog ter se tornado uma referência no Brasil?

Acredito que tenha sido graças a minha dedição de atualizá-lo todos os dias com informações revelantes. O fato de gostar muito do que faço também pesa bastante. E, de certa forma, a gente transmite isso para o leitor e o trabalho final fica bem feito e atraente.

Como você mede o sucesso do seu blog? Você acompanha resultados estatísticos?

O meu blog tem uma audiência maior que algumas seções de tecnologia de alguns sites de notícias. A priori não me preocupo tanto com os números. Acredito que essa questão do blog ser uma ponte para conhecer pessoas interessantes, receber outros convites portais, ter comentários que acrescentam informações ao post, ser citado em veículos de mídia importantes e outros blogs é mais revelante. Eu mensuro por aí o sucesso do blog.

Como aconteceu o processo de crescimento que o seu blog teve nos últimos anos?

O blog sempre está em um crescimento saudável. Começou em 2003, quase como um agregador dos links que achava interessantes na web. Rapidamente começou a ser citado nos principais jornais do país, como Folha de S. Paulo e Estado de S. Paulo.

Em 2005, enquanto os blogs ainda estavam se profissionalizando no Brasil, recebi um convite para fazer parte do portal iG. Passei a receber para editar o conteúdo do blog. Nos anos seguintes, o blog recebeu diversos convites para ir a outros lugares, mas continuou no iG.

Atualmente, o blog é citado em importantes veículos de comunicação, inclusive fora do país.

No ano passado, o blog ganhou projeção internacional ao ser convidado para ser "bridge-blog" oficial da da Pop!Tech, uma das principais conferências sobre ciência e tecnologia do mundo. Fora isso, os convites que recebo para dar palestras devido ao conteúdo do blog.

Você é uma referencia entre blogueiros porque conseguiu se tornar um profissional que vive de blogar e disfruta das vantagens de estabelecer as suas pautas e trabalhar de casa. Mas você tem criticado a "mania" atual de se querer ganhar dinheiro blogando. Queria que você explicasse a sua perspectiva.

Acho ruim uma pessoa começar qualquer coisa apenas pelo dinheiro. No início de carreira você deve pensar mais em aprender e fazer o que gosta.

Antes e acima de tudo, acho que você deve fazer algo para se divertir. Fazer os dois andarem juntos é melhor ainda - ganhar dinheiro e fazer o que gosta.

Até por que, profissionalmente, pensar dessa forma é uma postura saudável, pois se o seu trabalho é uma diversão, uma coisa prazeirosa, em que você se sente bem, fica mais fácil passar por diversas adversidades da vida profissional.

Se o seu trabalho é cansativo e você não vê a hora de terminar, é sinal de que escolheu a profissão errada ou está no emprego ou na área errada.

Eu mesmo blogo e não sinto que estou trabalhando, no sentido de ser uma coisa chata e que você não vê a hora de acabar. Em resumo - não que a pessoa não deva pensar em ganhar dinheiro, pelo contrário, mas o pontapé inicial deve ser procurar fazer o que mais gosta e se profissionalizar com isso.

Para terminar, uma pergunta para você responder de maneira pessoal e subjetiva: quem são os principais blogeiros em atividade no Brasil hoje?

Acredito que existem três blogueiros que estão se destacando em seus nichos.

Um é o Gustavo Mini, que traz algumas análises muito boas sobre comunicação em seu blog Conector. O Fabio Bracht, que vem mandando muito bem em seu blog de games, o Continue. E, claro, o Wagner Fontoura, do blog Boombust, que vem promovendo atividades bem interessantes entre blogs no Brasil, como o "esquenta para o BlogCamp 2007", que reuniu online diversos blogueiros para discutir assuntos importantes, como credibilidade e publicidade em blogs.




Comments

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Allowed HTML tags: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Lines and paragraphs break automatically.

More information about formatting options